domingo, 12 de abril de 2009

A estrada Brasil-Bolívia-Chile

Em setembro de 2009 deve ser entregue a estrada que ligará o porto de Santos aos portos de Arica e Iquique, no Chile. Esta estrada veio de um acordo entre os países Brasil, Bolívia e Chile e contará com a contribuição desses países com a construção de algumas estradas e aumento e melhoria de outras.
A estrada terá 4.700 quilômetros de comprimento e desses: 233 serão em território chileno, 1,6 serão na Bolívia e o restante no Brasil. Esta nova ligação abrirá portas para as o comércio brasileiro com os países do Oceano Pacífico, o comercio chileno com o Atlântico, além de extrema importância para a Bolívia que passará a ter possibilidade de comércio mais fácil para todo o mundo.


Para o Brasil espera-se com muito otimis
mo o aumento de exportação de grãos, que são em grande parte produzidos no centro-oeste. O país ganhará muito em competitividade na exportação de soja para a China, já que hoje gasta até 10 vezes mais em transporte que os Estados Unidos, e com a nova estrada poderá reduzir em até 7 vezes a rota marítima atual. Nos resta aguardar a conclusão da obra para ver as consequências na economia dos três países, além da possibilidade de viagens turísticas por terra mais viáveis na América do Sul.

(L. M. Alves)

Um comentário:

GASPAR CUNHA disse...

ISTO E O RESULTADO DA POBREZA E A IGNORANCIA POIS E' POSIVEL TER MELHOR TRAJETO SEM FICAR TROMBANDO NAS ALTURAS.A MESMA COISA NA GUATEMALA E SERRA MADRE NO MEXICO.MAIS TUDO PRECISA DE GRANA E VISAO.PARA A AMERICA LATINA ESTA ESTRADA E IMPORTANTE E TEM QUE SER CONCLUIDA .